quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Dia Internacional do Voluntariado

Ser voluntário é doar-se. É simplesmente oferecer um pouco do tempo, trabalho e talento em favor de causas sociais, ajudando, desta forma, para a diminuição das desigualdades sociais.

Em 1985, a ONU institui o dia 05 de dezembro como o Dia Internacional do Voluntário, a fim de homenagear e apoiar grupos e pessoas que doam seu tempo, trabalho e talento, de maneira espontânea e não remunerada, para causas de interesses sociais e comunitários. Desde então, a data tornou-se um marco para acompanhar a evolução do trabalho voluntário em diversos países do mundo, entre eles, o Brasil.

O voluntariado já está incorporado na cultura brasileira. Nosso país, com tantas diferenças sociais, precisa contar com a atuação de cidadãos conscientes e comprometidos com as iniciativas e ações voluntárias. Historicamente, o “ser voluntário” estava ligado ao ambiente religioso, com base em valores como caridade e amor ao próximo, mas, atualmente, o voluntariado é visto também como exercício de cidadania.

Descobrir seu potencial para ajudar os menos favorecidos e iniciar um trabalho social é o primeiro passo para, a partir da sua comunidade, melhorar o mundo. Hoje é, portanto, uma boa ocasião para refletir sobre o trabalho que se realiza e o que pode ser melhorado com a força transformadora dos voluntários.

É preciso pensar sobre o mundo em que vivemos e que vamos deixar para os nossos filhos.

Para saber mais sobre voluntariado acesse http://www.voluntariado.org.br/. Nos links ao lado, vocês encontram mais sites sobre trabalho voluntário.

Um comentário:

Fowler disse...

Nada mais justo do que o voluntariado ter um dia internacional.
Nenhuma ONG ou OSCIP pode prescindir do trabalho voluntário, pois ele carrega a motivação e compaixão pela causa.